Início Assuntos relevantes Os $egredos do CREA-RS – Parte VIII

Os $egredos do CREA-RS – Parte VIII

801

Só cortina de fumaça!!! Fecham Câmara de Engenharia de Segurança do Trabalho do CREA e ameaçam fechar importantes inspetorias como retaliação!!!

Numa atitude de pura perseguição e retaliação a atual diretoria, presidida pelo ilegítimo vice-presidente Lange, sabujo do presidente derrotado pelo voto democrático, acompanhado do diretor envolvido no escândalo dos pardais João Otavio Marques Neto e respaldado pelo mandatário Viero, que tem dedicação exclusiva na UFRGS mas, segundo informações dos funcionários (de carreira), passa a maior parte do tempo entre o gabinete do presidente ilegítimo e seu banco particular CREACred, uma instituição financeira que ocupa gratuitamente um andar inteiro no Conselho em Porto Alegre. E isso tudo sem nenhum custo para o CREA-RS??? É uma pergunta que não quer calar…

Também comentar que é o “testa de ferro” de todas as comissões (qual o custo desas comissões???) criadas só com o objetivo de caça as bruxas. Ou seja, quem ousar se manifestar contrário às arbitrariedades e ilegalidades serão punidos severamente, mesmo que seja ao arrepio da legislação vigente e do Regimento Interno do CREA-RS. Essa diretoria, ilegítima e espúria, ao arrepio da lei já afastou, sem direito à defesa, o conselheiro Nelson Agostinho Burille, casualmente Engº de Segurança do Trabalho. Burille foi o conselheiro que pediu a intervenção do Conselho Federal no Conselho gaúcho. Intervenção esta que foi aprovada, mas ainda não aconteceu por força de mais uma liminar de plantão…

Acabaram com a Câmara de Engenharia de Segurança do Trabalho!!! Mais uma profissão que fica sem representantes e espaço na Autarquia!!! Entendo que a Câmara foi instituída com o objetivo de proteger o trabalhador e a vida!!! Sem estar na pauta da última reunião Plenária, ocorrida na sexta-feira (03/8), numa atitude arbitrária e ilegal e com o apoio dos conselheiros do Sindicato dos Engenheiros, conseguiram uma falsa maioria e patrolaram… Como a estratégia de desviar o foco, correu o boato do fechamento de 12 inspetorias do CREA-RS, das 44 existentes em todo o Estado, com o objetivo de reduzir custos. Enquanto os inspetores lotavam o Plenário, coincidentemente, no Senge (Sindicato dos Engenheiros), também com o “objetivo” de evitar o fechamento das inspetorias, a diretoria ilegítima, numa manobra vil e maquiavélica, ao final da reunião e sem nenhuma discussão interna, sugeriu a extinção da Câmara de Engenharia de Segurança do Trabalho do CREA-RS. Bingo! Atingiram o Sr. Nelson Burille que é conselheiro dessa Câmara. Vingança do derrotado!!! Dos 119 conselheiros existentes hoje na composição do Plenário,m aprovaram a extinção com apenas 40 votos a favor e 28 contra. O detalhe é que só o Senge tem 28 conselheiros no CREA-RS!!! Qual é a representatividade de uma decisão desta? Quais os verdadeiros motivos??? Perseguição??? 

Quem era a favor agora é contra – Os mais ferrenhos defensores, na época das eleições, agora eram os que mais bradavam contra, ou seja, a favor da extinção. O candidato derrotado Mélvis que, quando conselheiro federal, foi a favor da criação da Câmara, agora que perdeu as eleições e motivado pelo seu instinto de destruir tudo o que foi feito pelo presidente Capoiani, votou a favor da extinção!!! Adivinhem quem criou a Câmara??? Bingo???

A conselheira Alice Scholl, que também votou a favor da extinção da Câmara, pasme, é Engº de Segurança!!! Antes lutou para a criação e se colocava como Engenheira de Segurança. Mas, agora, também lutou “bravamente” e muito pela extinção!!! Cadê a coerência??? É uma das que mais ataca esse jornalista e agora terá mais motivos ainda!!! Busquei no famoso Boletim da Associação dos Técnicos Agrícolas do RS os valores que ela recebeu em diárias do CREA-RS. Só na gestão passada, está em segundo lugar nos CAMPEÕES EM DIÁRIAS!!! Em primeiro lugar o presidente derrotado com R$ 144 mil em diárias e, em segundo, esta conselheira Alice, que me ataca constantemente com palavras de baixo calão… A senhora Alice recebeu mais de R$ 133 mil do CREA-RS, fora as diárias do Conselho Federal, pois também ocupava um cargo lá!!! É a verdadeira Alice no país das maravilhas, ou melhor, nas maravilhosas diárias!!!

Deve ser também porque esta mesma Alice, também, está no terceiro mandato em desacordo com a legislação vigente. Talvez aí estejam os verdadeiros motivos dos ataques. Todos pendurados na liminar de plantão para que a comissão do CONFEA não pudesse vir aqui verificar essas e outras tantas ilegalidades que, infelizmente, estão acontecendo no Conselho gaúcho que tinha tanta credibilidade e importância para a sociedade gaúcha. E, agora, justamente sendo maculado por essa gente. Estou apenas na minha função de jornalista, com a obrigação de levar aos meus seguidores a verdade sobre o que está acontecendo no Conselho gaúcho!!!

Lange e a Diretora dos escândalo dos Pardais e das benesses da UFRGS ameaçam esse Jornalista!!! – Agora, como outra medida intimidatória, e para não continuar a divulgar as bandalheiras que infelizmente estão acontecendo no CREA-RS estão querendo me processar, só que com os advogados do Conselho. Prato cheio para o TCU!!! Afirmo a todos os mais de 70 mil profissionais registrados que tenho o maior respeito pela instituição CREA-RS. O que não aceito é o que estão transformando um Conselho de tamanha importância para todos os gaúchos em um mero balcão de negócios e de interesses pessoais, totalmente contrário ao que preconiza a lei. O CREA-RS é uma autarquia Federal e não uma entidade particular para satisfazer os interesses mesquinhos de meia dúzia que se beneficiam!!! Não vou me calar e levarei todas as provas na Justiça ou onde quiserem. Estamos com toda a documentação que divulgamos e com a verdade!!! O Site não teme gente como eles!!!

Gastos com a Imprensa!!! Só em veículos de imprensa, o CREA-RS gastou mais de R$ 800 mil ao ano. Talvez os problemas de custos não estejam nas inspetorias que prestam um serviço essencial aos profissionais e empresas… Não será por incapacidade administrativa???

QUEBRARAM O CREA-RS EMPREGANDO 59 CARGOS DE CONFIANÇA PARA ASSESSORAR À PRESIDÊNCIA COM CUSTOS E PRIVILÉGIOS A SEUS APOIADORES, AMIGOS E SIMPATIZANTES, DISTRIBUINDO DIÁRIAS E BENESSES A QUEM CONCORDAR COM ESSES DESMANDOS. PERSEGUINDO E AMEDRONTANDO QUE OUSAR LEVANTAR QUALQUER VOZ DE CONTRARIEDADE!!!

Basta assistir os vídeos postados pela coordenadora das Inspetorias, onde diz que tentou falar em Plenária e foi duramente reprimida pelo ilegítimo Lange. Também em outro vídeo, ela acusa a falta de obediência ao Regimento do Conselho e que não tem direito à manifestação na diretoria. Tudo ao arrepio da lei!!!

Agora querem processar o jornalista que apenas traz à luz os fatos do que essa atual Diretoria transformou o CREA-RS!!! Só posso lamentar, jamais me calar!!! Entenderam???